postado por FundaçãoVW | 30. janeiro 2012 03:53
 

A Fundação Volkswagen, responsável pelo investimento social da Volkswagen do Brasil, faz balanço positivo de suas atividades em 2011. No ano passado, a Fundação Volkswagen atingiu a marca de 1 milhão de alunos atendidos, em nove anos de atuação de seus projetos em Educação, que receberam investimentos de R$ 50 milhões, beneficiando 265 cidades e mais de 10 mil educadores. Os projetos também apresentam resultados expressivos na frequência de participação de alunos em aulas e melhoria de desempenho escolar.

Em 2012, a Fundação Volkswagen atenderá 95 municípios, em 7 Estados, por meio de seus dez projetos, sendo sete de educação e três de desenvolvimento social (conheça todos os projetos no fim deste texto). Do total de cidades, 43 receberão projetos da Fundação Volkswagen pela primeira vez. O Ceará e a Paraíba serão beneficiados pelo Pró-Educar Brasil, projeto que estreará a atuação da Fundação Volkswagen nos dois Estados nordestinos. Também entrarão para a lista de beneficiados pela Fundação Volkswagen, 39 novos municípios de São Paulo e um de Minas Gerais, que receberão os projetos Entre na Roda e Brincar.

O Pró-Educar Brasil atenderá 80 novos educadores bolsistas, neste ano, nas cidades de Cabedelo (PB), Fortaleza (CE) e João Pessoa (PB). O projeto continua sendo realizado em Arcoverde (PE), com 22 bolsistas. A expansão do Pró-Educar Brasil foi possível por conta da parceria firmada, no ano passado, entre a Universidade Estadual Vale do Acaraú (em Sobral - CE) e cinco concessionárias Volkswagen do Nordeste, que dividem os custos do projeto com a Fundação Volkswagen.

Em 2011, os projetos educacionais Brincar, Entre na Roda e Estudar pra Valer! atenderam 289.635 estudantes e 2.417 educadores, números que são 42% superiores aos de 2010, em 109 cidades (16% a mais do que em 2010).

"Entre os critérios para escolher os novos municípios que entraram para a lista de beneficiados pelos projetos educacionais da Fundação Volkswagen, foram considerados portes diversificados, baixo IDEB (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica) e grande necessidade de investimento na área educacional. O trabalho da Fundação Volkswagen nos Estados do Ceará e Paraíba é inédito, aumentando ainda mais a atuação em prol da melhoria da qualidade da educação pública e gerando transformações positivas na vida das pessoas", diz a diretora da Fundação Volkswagen, Conceição Mirandola.

O projeto Estudar pra Valer! passou a contar com material de apoio aos professores do ciclo II do Ensino Fundamental (6º ao 9º ano) da rede pública de Araraquara, Bebedouro, Lençóis Paulista, Peruíbe, São Carlos e São Roque, todas no Estado de São Paulo. "Os educadores dos municípios de Araraquara, Bebedouro, Peruíbe e São Carlos tiveram uma importante contribuição para elaboração do material do Estudar pra Valer! e incorporaram seu uso à rede pública. O procedimento revela que as cidades reconhecem o programa da Fundação Volkswagen como importante complemento educacional", diz Conceição Mirandola.

A Fundação Volkswagen implantou, em 2011, o projeto Aceleração da Aprendizagem, que terá duração de dois anos no município de Resende (RJ). O projeto atende 500 alunos e 91 educadores, em 18 escolas do município.

Inovação – Educar com entretenimento

A Fundação Volkswagen inovou ao investir na educação por meio do entretenimento. Em 2011, promoveu a primeira edição na América Latina do Games for Change (G4C) – Jogos pela Transformação, que realizou eventos divulgando e debatendo games educativos em São Bernardo do Campo (SP), São José dos Pinhais (PR), São Carlos (SP), Salvador (BA), Taubaté (SP) e São Paulo (SP).

Na edição do festival G4C realizada na Cidade Universitária da USP (Universidade de São Paulo), a Fundação Volkswagen lançou o projeto Jogo da Vida em Trânsito e apresentou o game Autopolis, que transmite conceitos de segurança, legislação e cidadania no trânsito para formar o condutor consciente. O game será disponibilizado a educadores da rede pública do País, que também receberão um roteiro com sugestões de atividades relacionadas ao tema para serem trabalhadas em sala de aula. O game está disponível no novo site da Volkswagen do Brasil (www.volkswagen.com.br ou www.vw.com.br). Basta selecionar Planeta Volkswagen; em seguida, Games.

Desenvolvimento social – Futuro promissor

Em 2011, o projeto Costurando o Futuro estruturou um grupo de trabalho formado por 18 empreendedores sociais. Eles criaram o grupo Tecoste, que está em fase de abertura de uma microempresa de confecção. Os artesãos, que utilizam como matéria-prima tecidos automotivos e uniformes descartados pela Volkswagen, lançaram no ano passado uma nova coleção de produtos 'Premium', com utilização do assento e encosto do Voyage e sobras de cinto de segurança, ultrapassando 30 produtos no catálogo. Em três anos de atuação, o Costurando o Futuro registra 31 toneladas de tecidos utilizados, com 160 participantes capacitados profissionalmente. Em 2011, o programa gerou renda média de R$ 400 por mês por participante.

O concurso de projetos sociais Volkswagen na Comunidade somou, em 2011, R$ 1 milhão em prêmios entregues para 29 ONGs brasileiras, com 1.194 projetos inscritos por funcionários da Volkswagen e cerca de 3.500 beneficiários diretos. Neste ano, o prêmio a ser entregue para cada uma das nove vencedoras será de R$ 40 mil, R$ 10 mil a mais do que nas edições anteriores. A vencedora de 2011 que melhor geriu o investimento e otimizou os resultados, ganhará o prêmio Sustentabilidade, também no valor de R$ 40 mil.

No ano passado, o Volkswagen na Comunidade recebeu o Prêmio LIF (Liberdade, Igualdade e Fraternidade), oferecido pela Câmara de Comércio França-Brasil, na categoria 'Público Interno'. Em sua 10ª edição, a premiação é um reconhecimento a empresas que realizam projetos de destaque em favor da sustentabilidade.

Educação por meio das artes

A Fundação Volkswagen implantará, neste ano, o projeto Aprender com a Pinacoteca em Taubaté, cidade paulista onde a Volkswagen do Brasil mantém uma de suas quatro fábricas no País. O programa foi realizado com sucesso, durante três anos, em São Bernardo do Campo, beneficiando 3.540 estudantes e 118 educadores, de todas as escolas do município. As aulas práticas foram ministradas na Pinacoteca do Estado de São Paulo, na capital paulista.

A Fundação Volkswagen também apoia o Instituto Baccarelli, responsável pela orquestra Sinfônica Heliópolis e o projeto Coral da Gente, que oferecem formação musical a moradores da comunidade paulistana de Heliópolis. Em 2011, o Instituto Baccarelli atendeu 1.500 crianças e jovens, um número 22% maior do que em 2010. A Sinfônica Heliópolis passou a contar com um programa anual de concertos, a exemplo das grandes sinfônicas do mundo, com destaque para a apresentação em conjunto com a Orquestra Jovem da Filarmônica de Israel, em Paulínia (SP), sob regência do maestro Zubin Mehta. O Instituto Baccarelli também levou seus projetos para grandes eventos, como Criança Esperança (TV Globo), SWU, Rock in Rio e o sorteio das eliminatórias da Copa do Mundo de Futebol – Fifa (Rio de Janeiro).

Fundação Volkswagen

Ao longo dos mais de 30 anos de existência, a Fundação Volkswagen é responsável pelo investimento social da empresa no País, por meio de projetos com foco em educação e desenvolvimento social. Tem como objetivo promover e realizar ações que contribuam para a melhoria da qualidade da educação pública e que fomentem o desenvolvimento social de comunidades de baixa renda. A estratégia de atuação baseia-se no desenvolvimento de um trabalho articulado em rede, por meio de parcerias entre os setores públicos, privados e a sociedade civil organizada (Organizações não-governamentais – ONGs), para, conjuntamente, implementar projetos que influenciem políticas públicas e que sejam sustentáveis a longo prazo.

Conheça os programas da Fundação Volkswagen

Tags:
Comentários (0)

postado por Propaganda | 20. janeiro 2012 11:30
 

Milhares de fãs comemoram nesta sexta-feira, 20 de janeiro, o Dia Nacional do Fusca, um dos carros mais carismáticos da história mundial do automóvel. Fabricado no Brasil a partir de 1959, o Volkswagen Sedan – este era seu nome oficial – logo tornou-se o modelo mais popular do país, por sua combinação de baixo custo de aquisição e manutenção com resistência mecânica. Mais de uma geração de motoristas brasileiros aprendeu a dirigir em um Fusca e optou por ele ao adquirir seu primeiro carro.

Com mais de 3 milhões de unidades produzidas no Brasil, o Fusca hoje é um ícone nacional. Ao mesmo tempo em que exemplares bem conservados ou restaurados são disputados por colecionadores, dezenas de milhares continuam sendo usados no dia-a-dia como meio de transporte ou ferramenta de trabalho, seja nas grandes metrópoles, seja no interior do país.

O Dia Nacional do Fusca foi instituído no Brasil em janeiro de 1996 pela Câmara de Vereadores de São Paulo por sugestão do presidente do Sedan Clube, Alexander Gromow.

Mundialmente, o Dia do Fusca é comemorado em 22 de junho, data em que Ferdinand Porsche assinou o contrato que deu início ao desenvolvimento e fabricação do Sedan, em 1934.

Produção no Brasil

Os primeiros Volkswagens Sedan, fabricados na Alemanha, chegaram ao Brasil em 1950, com motor traseiro refrigerado a ar. O Volkswagen começou a ser montado no país, com componentes importados, em 1953. A produção na fábrica Anchieta começou em 1959, já com 54% de peças nacionais.

A história do Fusca no Brasil tem uma particularidade: o retorno da fabricação em 1993, sete anos após sua paralisação, em 1986. A pedido do então presidente da República, Itamar Franco, o carro voltou a ser produzido, em uma versão movida exclusivamente a etanol, e parou de ser fabricado em 1996.

O Fusca foi o carro mais vendido no Brasil por 24 anos consecutivos, marca que foi superada apenas em 2011, por outro modelo Volkswagen: o Gol, que chegou ao 25º ano de liderança em vendas no mercado nacional.

Inspiração para o Beetle

A marca Volkswagen, em alemão, significa "carro do povo" e foi com a missão de popularizar o automóvel que o Fusca foi concebido, na década de 1930, a pedido do governo da Alemanha.

Considerado um dos "cases" de design mais significativos da história, o Fusca não deixou de evoluir ao longo de seus mais de 50 anos de produção, mas manteve sempre suas características básicas: motor traseiro, refrigeração a ar e sua inconfundível aparência, com para-lamas salientes e estribos laterais.

A imagem do Fusca foi revivida pela Volkswagen em 1998, com o lançamento do New Beetle. Com linhas inspiradas pela versão original e construído sobre uma plataforma moderna, com tração dianteira e motor com refrigeração líquida, o New Beetle conquistou imediatamente um grande número de fãs, alcançando mais de 1 milhão de unidades vendidas até 2010.

Uma proposta ainda mais moderna e inovadora, mas com design ainda mais próximo do Fusca, chegou ao mercado internacional no ano passado: a primeira versão do Beetle concebida inteiramente no século 21. O Beetle deverá chegar ao mercado brasileiro no fim deste ano ou no início de 2013.

Tags:
Comentários (0)

postado por Web | 11. janeiro 2012 05:44
 

É fácil! Toda vez que você utilizar seu Volkswagen Itaucard, 5% das compras se transformam em pontos que podem ser trocados por descontos na compra de um Volkswagen 0km ou em peças, serviços e acessórios na Rede de Concessionárias Volkswagen.

Veja como funciona:

1 ponto = R$ 1,00 na compra 0Km

1 ponto = R$ 0,50 na compra de peças, serviços ou acessórios

Além disso, o Volkswagen Itaucard conta com outros benefícios, incluindo assistência 24hs a qualquer veículo Volkswagen que o titular do Cartão estiver dirigindo, independente do ano de fabricação.

Para solicitar o seu cartão acesse**:

www.itaucard.com.br/volkswagen

ou ligue no 4001-4858 / 0800-722-4858.

* Desconto limite na versão Platinum

** A aprovação do cartão estará sujeita a análise de crédito

Tags:
Comentários (0)

postado por Propaganda | 6. janeiro 2012 02:46
 

O Volkswagen Gol, o carro preferido dos brasileiros, acaba de conquistar mais um marco importante em sua trajetória de sucesso no Brasil. O modelo completou 25 anos consecutivos na liderança de vendas, tornando-se o veículo de maior sucesso comercial no País. Projetado e desenvolvido no Brasil, o Gol completa 32 anos de história em 2012, com 5.828.000 unidades vendidas no País. Atualmente o modelo está em sua 5ª geração e já superou as 6 milhões de unidades produzidas no Brasil.

Antes do Gol, outro modelo Volkswagen ocupava o posto de liderança de vendas no País. O Fusca, primeiro carro produzido pela marca no Brasil, foi líder por 24 anos consecutivos.

Satisfação do cliente

Um estudo inédito da J.D. Power no Brasil apontou que o Novo Gol é o automóvel com maior índice de satisfação do consumidor entre os modelos classificados como "subcompactos". Ele obteve 731 pontos em uma escala de até 1.000 pontos. Em 2º lugar, na mesma categoria, o modelo melhor avaliado é o Gol G4, que somou 728 pontos.

Entre os aspectos considerados na pesquisa, concluída em maio de 2011, estão: custo da propriedade (manutenção, reparabilidade, consumo de combustível e seguro), apelo do veículo (desempenho, design, conforto e equipamentos), experiência com os serviços prestados pelas concessionárias, qualidade e confiabilidade.

Exportação

Em 2011, o Gol também foi responsável por outra importante realização da indústria nacional: chegou à marca de 1 milhão de unidades exportadas, reafirmando sua posição de veículo fabricado no País mais vendido no exterior. Em sua trajetória de sucesso no mercado externo, o Gol já foi comercializado em 66 países, sendo que os principais mercados externos do modelo, atualmente, são o México e a Argentina.

Modelo tem história de inovação e pioneirismo:
•    Primeiro automóvel brasileiro com injeção eletrônica (Gol GTI, em 1989)
•    Primeiro carro com motor bicombustível do Brasil (Gol 1.6 TotalFlex, em 2003)
•    Primeiro automóvel de entrada bicombustível (Gol 1.0 TotalFlex, em 2005), popularizando a tecnologia
•    Primeiro modelo a usar o motor brasileiro 1.0 de 16 válvulas
•    Primeiro veículo a ultrapassar a marca de 5 milhões de unidades produzidas no Brasil

 

Tags:
Comentários (0)

postado por Propaganda | 4. janeiro 2012 10:02
 

A Volkswagen do Brasil acaba de conquistar mais um importante   reconhecimento da imprensa automotiva brasileira. O modelo Jetta com motorização TSi 2.0 foi considerado o melhor carro do ano, no segmento até R$ 90 mil, em levantamento realizado pela Folha de S.Paulo, que levou em conta os testes realizados pela equipe do jornal durante todo o ano de 2011. Segundo o jornal, o modelo Volkswagen "reina" entre os sedãs mais sofisticados por ser equipado com o eficiente motor 2.0 turbo de 200 cavalos e câmbio de dupla embreagem. O conjunto proporciona ao Jetta a vantagem de manter desempenho semelhante a de rivais mais caros.

Este é mais um reconhecimento recebido pelo modelo este ano. No início de dezembro, o Jetta foi escolhido “O Melhor Carro Importado” na premiação “Car Awards 2012”, organizada pela revista Car Magazine.

O reconhecimento se soma aos cerca de 30 prêmios recebidos pela Volkswagen do Brasil em 2011, que comprovam a excelente reputação que a empresa e seus veículos possuem junto aos consumidores.

 

Tags:
Comentários (0)


<<  dezembro 2014  >>
seteququsedo
24252627282930
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930311234

Follow me on Twitter