Imprensa
Volkswagen
Recuperação da Biodiversidade

Condor Andino

  • Conteúdo
  • Fotos

A sustentabilidade está no DNA da Volkswagen do Brasil, em seus produtos, processos e nas relações da companhia com seus diversos públicos. Prova disso é que “Desenvolver Sustentabilidade como princípio de gestão” é  um dos objetivos do Mapa Estratégico da empresa. Todas as fábricas da Volkswagen têm certificação de qualidade ambiental ISO 14.001 e trabalham continuamente para a redução do consumo de energia e do impacto ambiental.

Executivos responsáveis por sustentabilidade trabalham intensamente em ações inovadoras e debatem como o conceito pode ser ancorado em processos corporativos, combinando preocupações econômicas, ambientais e sociais.

Além de adotar práticas ambientalmente corretas em seu sistema de produção, a Volkswagen se compromete em minimizar os possíveis impactos ocasionados ao meio-ambiente desde a contratação do fornecedor até o desenvolvimento de uma nova tecnologia.

A empresa é pioneira no País em várias tecnologias ambientais no campo industrial, como por exemplo a pintura à base de água na fábrica de São José dos Pinhais, a estação de reciclagem e reaproveitamento de água em Taubaté, que recicla e reaproveita 30% da água consumida internamente, e a produção de adubo orgânico a partir de sobras de alimentos na fábrica de São Carlos. A unidade Anchieta, em São Bernardo do Campo, aplica todos os cuidados ambientais em seus processos produtivos.

Por meio do Programa de Plantios, a Volkswagen do Brasil já plantou cerca de 70 mil árvores nativas com o suporte dos empregados e mais 35 mil espécies serão plantadas nos próximos cinco anos.

A Estação de Tratamento de Efluentes da unidade de Taubaté, implementada desde o início da fábrica, trata 100% da água utilizada pela unidade. Desde 2003, cerca de 30% dessa água, além de tratada, passa por um processo adicional de ultrafiltragem e reciclagem, sendo reaproveitada para resfriamento de máquinas, limpeza de ruas externas e jardinagem, entre outras atividades. Com este processo, a fábrica já economizou mais de 1,5 bilhão de litros de água dos mananciais. Em 2012, a unidade de São Carlos realizou a instalação de uma nova estação de tratamento de efluente industrial, ainda mais eficiente e sustentável. A mudança no sistema é pioneira na Volkswagen do Brasil e dobrou a capacidade de tratamento de efluentes industriais, além de proporcionar a redução de 40% nos custos operacionais do processo.

As fábricas também adotam práticas como utilização da borra de tinta (não-reciclável) como matéria-prima para isolantes termo-acústicos em determinadas áreas da fábrica, óleo biodegradável (à base de vegetais) para a lubrificação do sistema de ar comprimido das máquinas de produção e testes de motor a frio, que não geram emissões gasosas ou barulho. A nova área de Pintura da unidade Taubaté, a mais automatizada da América do Sul, contará com tecnologia para uso de tinta à base de água e outros meios de produção altamente ecológicos. A empresa também usa materiais recicláveis e pets reciclados no revestimento do assoalho de veículos.




Youtube Blog Volkswagen Volkswagen Brasil Facebook © Volkswagen do Brasil 2017 | Ibama | Fale Conosco | Política da Privacidade